sexta-feira, 1 de abril de 2011

Amanhã será um novo dia :)



De, Luizinho Bastos
( com alterações: Luhana Baldan Lemes )


Ontem estava tudo bem, mas hoje, de repente... um problema delicado, a notícia inesperada, uma palavra
grosseira, um impulso precipitado, a incompatibilidade que gerou discussão e rompimento; enfim, diversos impasses são imprevisíveis na jornada da vida e na convivência com as pessoas. Causas e efeitos oscilam e se estendem em consequências desagradáveis.

Quantas vezes ultrapassamos o limite do equilíbrio e, tendo razão ou não, nos descontrolamos? As contradições da vida, os conflitos
íntimos, revoltas, angústias... Parece que todas as forças negativas se unem envolvendo-nos numa nuvem cinzenta que nos tira a paz de espírito, como se o mundo desabasse em nossa cabeça, como se estivéssemos num beco sem saída, impossibilitados de refletir melhor para enxergar uma solução.

Estamos sujeitos a enfrentar essas tempestades a qualquer momento, ninguém está livre dessas oscilações entre casualidades temporais e reações do comportamento. Mas sair pelo mundo fazendo extravagâncias, dirigir em alta velocidade e sem rumo pela madrugada, embriagar-se, são fugas inconscientes, não trarão soluções nem ajudarão a esquecermos o problema.

É compreensível que fiquemos revoltados e indignados quando surgem desentendimentos e equívocos que deixam nossa mente confusa num bombardeio de crises. A Jornada da vida é emocionante porque as crises incitam nossos sentimentos e impulsos. E a crise de hoje é a ponte para a possibilidade do amanhã. Se porventura não soubermos evitar algum impasse, a solução mais madura é ter calma, silenciar-se, suportar, respirar fundo e confiar no amanhã, porque amanhã será um novo dia.

Amanhã poderemos analisar os fatos com mais clareza e o que parecia complicado se tornará simples.
Amanhã o diálogo fraterno e sincero permitirá a reconciliação e uma nova aproximação. Amanhã o problema inesperado que tirou o nosso sono terá uma solução também inesperada. Amanhã aquela angústia que incomodava em nosso íntimo será aliviada com uma palavra amiga, uma boa notícia ou a resposta exata que tanto desejávamos ter. Amanhã a peocupação de hoje ficará esquecida no ontem e diremos: " Está tudo bem, graças a Deus!"

Ufa! o que seria da gente se não confiássemos no amanhã? O amanhã vindouro e iminente, trazendo o novo, o belo, a resposta, a solução, o perdão, a novidade, a disposição, o otimismo, a confiança de viver intensamente a emocionante aventura da vida.

Hoje pode estar tudo confuso, mas amanhã será um novo dia que jamais existiu; tudo estará bem e que, desejo eu, seja o melhor dia da sua vida ! :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário