sábado, 20 de agosto de 2011

Lembranças.


Era primavera, ainda me recordo daquele final de tarde.
Você me pediu um abraço que eu jamais iria negar e após alguns minutos sussurou em meu ouvido:

- Eu poderia ficar assim a tarde inteira, a noite inteira... Pensado bem, com você eu poderia ficar assim a vida inteira.

Sorri. Não lhe disse nada, olhei em seus olhos e lhe beijei.
Na verdade queria ter dito que no seu abraço eu poderia ficar a eternidade que não me importaria, mas não disse; assim como queria ter dito tantas outras coisas mas nunca ousei pronunciar.

Esses momentos viraram apenas lembranças e mesmo depois de tanto tempo ainda as guardo na memória.
As vezes fecho os olhos e desejo que os dias voltem, queria que a vida tivesse parado ali, com você naquele instante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário