sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Vale muito a pena esperar.


Vale a pena esperar por uma pessoa que te leve a sério, que daria tudo pra ter o seu sorriso todas as manhã. Vale a pena esperar pelo homem ou mulher perfeitos, não aos olhos dos outros, mas aos nossos. Que tiram sorrisos sinceros, que brincam, xingam, brigam, mas acima de tudo, nos amam, compreendem e protegem. Vale muito a pena esperar.

domingo, 19 de agosto de 2012

Hey menina, vai valer a pena esperar


'Tudo aquilo que vale a pena possuir, vale a pena esperar"
Havia uma menina, vazia de emoções, ela esperou por muito tempo alguém por quem valesse a pena lutar, alguém que quisesse cuidar e amar.
Já havia chorado muito, suas lágrimas caiam junto a chuva que molhava seu pequeno rosto. Ninguém notava o quanto sofria e que ela só necessitava de um abraço, ou uma palavra amiga, mas ninguém compreendia isso.
A solidão aos poucos foi se tornando sua melhor amiga, já não chorava mais, sua alegria, esperança e outros sentimentos bons foram colocados na gaveta, e ela não tinha a pretensão de tirá-los de lá. Ela os esqueceu. A pequena garotinha se tornou alguém sem fé, sem expectativas, não estava vivendo, estava apenas sobrevivendo.
E os outros? Ninguém sabia o que se passava.
Em um dia comum, assim como todos os outros, vazios, um anjo veio lhe falar:
- Tenha paciência menina, toda a dor vai passar, vai valer a pena esperar.

Ela se atordoou com isso, pensou: Será mesmo?
O anjo com essas pequenas palavras havia feito algo que ela não conseguia ha tempos, reacendeu a chama da esperança, e com o fiozinho de esperança que tinha, foi lá em sua gaveta, aquela em que escondera seus sentimentos com medo de sofrer,  sua razão dizia para deixá-los trancados. A menina não entendia o que deveria esperar, mas sabia que se fosse fazer o que o anjo tinha lhe dito precisava dos seus sentimentos de volta, precisava se sentir inteira de alguma forma, para suportar sei lá mais quanto tempo de espera.
E com um pouco de coragem, ela abriu gaveta.
Precisava ser feliz, e iria ser, decidiu que não poderia ser uma metade em busca de outra metade para se completar, mas que tinha de tornar-se inteira para encontrar alguém inteiro e assim, juntos, transbordar.
Desse dia em diante ela andou com alegria no coração, e a esperança no bolso. Foi se recuperando, tornando-se inteira, inteira sentimentos, inteira alegria, inteira romântica, inteira solidária, inteira amor.
E sem perceber, agora ela estava pronta para amar, pronta para encontrar aquele que E'le havia separado para ela desde o princípio, pronta para encontrá-lo e lhe dizer que valeu a pena esperar.